Cuidados com a pele

5 dicas de cuidados com a pele para pessoas que trabalham ao ar livre

Segundo a campanha “Trabalhe com segurança. Proteja sua pele.” realizada pelo Instituto Melanoma Brasil, pessoas que trabalham ao ar livre estão mais sujeitas a ter câncer de pele melanoma. Por isso, é necessário adotar uma série de cuidados com a pele.

Neste post, você vai encontrar as dicas mais importantes para reduzir o risco de desenvolver essa neoplasia maligna.

Cuidados com a pele para pessoas que trabalham ao ar livre

Não perca tempo e continue a leitura.

1. Aplique filtro solar antes de sair de casa

A exposição desprotegida e contínua ao sol é um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de doenças de pele, entre elas o câncer melanoma. Neste sentido, a aplicação diária de filtro solar é uma medida indispensável.

Ainda, essa orientação é ainda mais necessária para quem trabalha ao ar livre. Porém, para obter a melhor eficácia do produto, aplique-o 15 minutos antes de sair de casa. Além disso, você precisa escolher um fotoprotetor que respeite as características da sua pele.

Para isso, é fundamental consultar-se com um dermatologista. Esse especialista irá recomendar o protetor solar mais indicado para o seu tipo e tom de pele, assim como o fator de proteção solar (FPS) adequado.

2. Invista nas barreiras físicas

Embora o protetor solar seja o principal recurso para o bloqueio da ação da radiação solar, você também pode aumentar essa proteção ao utilizar barreiras físicas, como bonés, chapéus e óculos de sol.

Ainda, existem diversos acessórios voltados para este fim. No caso das roupas e dos óculos, é imprescindível que ele ofereça proteção contra os raios UV. Dessa forma, você pode exercer sua atividade profissional sem se expor aos riscos.

3. Se possível for, evite a exposição ao sol nos horários de pico

Apesar de não ser uma realidade possível para algumas ocupações profissionais, evitar os horários de maior incidência da radiação solar é uma maneira eficaz de reduzir os efeitos nocivos do sol.

De modo geral, isso significa não se expor ao sol entre as 10 horas da manhã e as 16 horas da tarde. Nesse intervalo, há o maior pico de incidência dos raios UV, sendo extremamente perigoso. Porém, se não for possível evitá-lo, lembre-se de utilizar o filtro solar.

4. Use roupas adequadas

Na rotina das pessoas que trabalham ao ar livre, é normal que haja a preferência por roupas mais frescas, especialmente nos dias ensolarados. Contudo, essa atitude é prejudicial para a saúde da pele, pois algumas áreas do corpo ficam mais expostas ao sol.

Ainda, para se proteger da radiação solar, é recomendado que o trabalhador utilize camisas de manga, calças compridas e sapatos fechados. Em alguns casos, como o dos trabalhadores rurais, a lei determina que essa vestimenta e o protetor solar sejam disponibilizados pelo empregador.

5. Hidrate-se

Embora o consumo de água não diminua os prejuízos da exposição aos raios solares, essa atitude garante o bom funcionamento do organismo e evita uma série de condições, tais como, desidratação e insolação.

Além disso, ao se manter hidratado, você contribui com a eliminação de toxinas presentes no organismo e reduz a oleosidade da pele. Dessa forma, o consumo adequado e diário de água é um dos mais importantes cuidados com a pele.

Então, como você pode perceber, é possível adotar novos comportamentos que reduzem os efeitos nocivos dos raios UV. Portanto, se você trabalha ao ar livre, siga nossas orientações e converse com seu dermatologista para buscar outras orientações de cuidados com a pele.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como oncologista em São Paulo!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp