câncer de pele

4 dicas para prevenir o câncer de pele

O câncer de pele é a forma mais comum entre todos os tipos de câncer.  Não é de se espantar. Pois a pele é o maior órgão do corpo humano. O câncer se desenvolve a partir de uma mutação genética das células que compõem as camadas da pele. Logo, pode se desenvolver em praticamente qualquer região do corpo, embora seja mais frequente naquelas em que há maior exposição ao sol.

Como estamos em um país tropical, com alta incidência da luz solar, é inevitável que a exposição seja prolongada. Como essa é uma das principais origens do tumor, é necessário ficar atento às maneiras dese prevenir. Listamos neste artigo algumas delas. Acompanhe.

Formas de prevenção ao câncer de pele

Usar protetor solar

De acordo com entendimento da comunidade médica, o filtro solar deve ser usado todos os dias. Isso inclui as áreas que ficam cobertas pela roupa.

Os dias nublados não são motivo para abandoná-los. O motivo é que a radiação UV pode atravessar as nuvens e causar lesões à pele.

Se você estiver realizando exercícios físicos, ou está em locais com água, como piscina, cachoeira e mar, lembre-se reaplicá-lo de 20 em 20 minutos. Prefira os horários com menor índice UV para essas atividades,  que é antes das 11h e após as 15 h. Também é importante apostar em produtos resistentes à água e FPS de 30 para garantir maior eficácia.

Evitar a exposição prolongada ao sol

Mesmo com o uso do protetor solar, não se deve receber a luz do sol diretamente, como fazemos quando estamos nos bronzeando. Essa atitude pode ter consequências negativas para a pele. Além de queimaduras, a radiação UV  é o principal fator de risco para o desenvolvimento do câncer de pele. 

Para atividades ao ar livre, aplique o protetor solar a 2 horas, com alto fator de proteção. Aumente a frequência se estiver nadando ou transpirando muito. Além disso, prefira sempre lugares que seja possível encontrar uma sombra, seja sob uma árvore ou sombrinhas de praia. Usar chapéus e bonés pode ajudar, assim como óculos escuros.

Evitar bronzeamento artificial

O sol não é a única fonte de radiação Ultravioleta. As câmaras de bronzeamento artificial também emanam essa luz. Em alguns casos, a incidência é ainda maior durante o bronzeamento do que em uma exposição direta ao sol. 

Tenha um especialista de confiança

Apenas o médico habilitado é capaz de confirmar o diagnóstico do câncer de pele. Faça visitas regulares ao seu médico e tire suas dúvidas toda vez que surgir alguma alteração na forma, cor ou tamanho das suas pintas. 

O teste ABCDE é um ótimo guia para analisar as pintas e manchas espalhadas pelo nosso corpo. O A é de assimetria, indica que as pintas malignas são assimétricas, se dividi-la ao meio. O B é de bordas. Isso quer dizer que se o contorno da mancha for irregular é um sinal de alerta. O C é de cor. As manchas malignas costumam apresentar mais de um tom. O D é de diâmetro. As pintas com mais de 6 mm precisam ser avaliadas. O E significa evolução. As pintas que mudam de forma, tamanho ou cor, com o passar do tempo, são sinais de atenção.

Qualquer sinal de câncer de pele, procure o seu especialista.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como oncologista em Londrina!

Comentários
Dr. Rafael Onuki Sato

Posted by Dr. Rafael Onuki Sato